Dica de filme: Sustentável

sustainable.jpg

“Orgânicos podem alimentar o mundo”

- Mark Smallwood (Rodale Institute)


Sustentável (Sustainable, 2016) é um filme sobre… sustentabilidade, claro. Mas é um filme diferente. Analisando a indústria alimentícia capitalista e de alto consumo no contexto dos EUA, este é um documentário que realmente nos coloca pra pensar: a forma como nos alimentamos e como consumimos é viável e sustentável a longo prazo?

Bom, nós já sabemos que há algo de muito errado com a indústria alimentícia e a nossa relação com o consumo, mas o filme aborda o tema sob uma outra perspectiva.

Sejamos realistas, documentários sobre agricultura e alimentação em geral são polêmicos e chocam bastante. É claro que as cenas terríveis de animais em fazendas de produção em massa ou matadouros são eficientes quando se trata de mostrar a triste realidade e nos convencer de que está tudo errado, mas não é sempre que estamos dispostos a ver esse tipo de conteúdo sangrento numa sexta-feira após uma longa semana de trabalho.

Bom, o caso é que Sustentável não é esse tipo de filme. O documentário de Matt Wechsler e Annie Speicher examina o valor da agricultura sustentável sob o viés do meio ambiente e do nosso bem-estar, analisando a possibilidade de uma economia construída em torno de um sistema alimentar local com valores baseados na nutrição de qualidade, na comunidade e em práticas agrícolas éticas, criticando o sistema industrial de hoje, que produz com foco em quantidade e lucro corporativo.

Sustentável mantém um tom leve e easy going estabelecido desde o início pelo Chef Rick Bayless, que abre o filme refletindo sobre sua decisão de obter ingredientes locais. 

"Eu me perguntava: como posso fazer uma boa comida se não tiver nenhuma conexão com as pessoas que estão cultivando esses alimentos?"

- Rick Bayless

De lá, os espectadores são gradualmente introduzidos a algumas das pessoas responsáveis por essa produção, que contam sua trajetória e sua relação com a produção orgânica e sustentável. A sensação é de estar tendo uma conversa muito bem articulada em que qualquer crítica feita às grandes fazendas é feita com base em fatos e não em opiniões. Além disso, o filme tem uma fotografia lindíssima, uma trilha sonora relaxante e animações bem bacanas. 

É um tem que ver para qualquer pessoa interessada em alimentação saudável e sustentabilidade e certamente enriquecerá sua compreensão sobre a agricultura sustentável e o tipo de sistema alimentar que poderia e deveria ser o normal nos EUA, no Brasil e em todo o mundo.


Faça parte do movimento pela comida de verdade.

Conheça as cestas do Clube Orgânico. São várias opções de planos para você assinar e receber em casa.

4.jpg

Cestas orgânicas